Toyota Grande Prêmio de Long Beach

Toyota Grande Prêmio de Long Beach


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

O Grande Prêmio da Toyota de Long Beach foi estabelecido por Chris Pook em 26 de março de 1977. Depois de seis meses, ele organizou uma corrida de Fórmula 1, onde o suíço Clay Regazzoni foi o vencedor. A cidade de Long Beach se tornou um cenário internacional para corridas de próximos seis anos. O canadense Gilles Villeneuve liderou a dobradinha da Ferrari em 1979 e, em 1980, a Parmalat Brabham do brasileiro Nelson Piquet conquistou outra vitória bandeira a bandeira. A cidade de Long Beach se tornou um cenário internacional para corridas nos seis anos seguintes e continuou a florescer ao longo dos anos. Em 1984, a Championship Auto Racing Teams (CART) foi lançada em Long Beach após Pook ter assinado pela Champ Car. A Dover Motorsports, Inc. vendeu os ativos da Grand Prix Association de Long Beach para o coproprietário da Champ Car Kevin Kalkhoven e seu Aquarium Asset Management, LLC em junho de 2005.


Sunny So-Cal e indycar tiveram mais um fim de semana incrível, marcando um início empolgante para a campanha de 2013. Takuma Sato pegou as peças enquanto o resto da ordem de acabamento parecia algo fora da zona de penumbra. Alguns dirão que & hellip Continue lendo & rarr

Que lugar estranho nos encontramos no campeonato entrando na terceira rodada nas ruas de Long Beach. Dario Franchitti está em último lugar, Andretti Autosport tem quatro carros entre os dez primeiros e Will Power está sentado em & hellip Continue lendo & rarr


Fatos rápidos do Grande Prêmio da Toyota de Long Beach

Parâmetros push-to-pass: 200 segundos de tempo total com um tempo máximo de 20 segundos por ativação.

Distribuição de pneus Firestone: Sete conjuntos principais, quatro conjuntos alternados. Os pilotos novatos têm direito a um conjunto extra para o treino 1.

Twitter: @ToyotaGPLB @IndyCar, #TGPLB, #IndyCar

Vencedor da corrida de 2017: James Hinchcliffe (nº 5 Arrow Electronics Schmidt Peterson Motorsports Honda)

Vencedor do prêmio Verizon P1 2017: Helio Castroneves (No. 3 Auto Club do Sul da Califórnia Chevrolet), 1: 06,2254, 106,980 mph

Recorde da volta de qualificação: Helio Castroneves, 1: 06,2254, 106,980 mph, 8 de abril de 2017

Transmissão da corrida da NBCSN: domingo, 15 de abril (16h00 horário do leste)

Transmissão de qualificação da NBCSN: sábado, 14 de abril (18h30 horário do leste dos EUA, ao vivo)

Leigh Diffey será o locutor jogada a jogada da transmissão da NBCSN & # 39s do Grande Prêmio da Toyota de Long Beach ao lado dos analistas Townsend Bell e Paul Tracy. Marty Snider, Kevin Lee, Katie Hargitt e Robin Miller são os repórteres do pit.

Transmissões de rádio: A Advance Auto Parts INDYCAR Radio Network é liderada pelo locutor-chefe Mark Jaynes com o analista Anders Krohn. Os repórteres da vez são Jake Query e Nick Yeoman, com Rob Howden e Michael Young relatando dos poços. Todas as corridas da Verizon IndyCar Series são transmitidas ao vivo na Rede de Rádio Advance Auto Parts INDYCAR, Sirius 214, XM 209, IndyCar.com, indycarradio.com e no aplicativo INDYCAR Mobile.

Transmissão de vídeo: Todas as sessões de prática não televisionadas pela NBCSN estarão disponíveis em RaceControl.IndyCar.com e no canal INDYCAR no YouTube (www.youtube.com/indycar)

Programação na pista (todos os horários locais):

Sexta-feira, 13 de abril 10-10h45 - Prática nº 1 da Verizon IndyCar Series, streaming em RaceControl.IndyCar.com 2-14h45. - Prática 2 da Verizon IndyCar Series, streaming em RaceControl.IndyCar.com

Sábado, 14 de abril 10h45-11h30 - treino nº 3 da Verizon IndyCar Series, transmitido em RaceControl.IndyCar.com 15h30 - Qualificação para o prêmio Verizon P1 (três rodadas de qualificações da Verizon IndyCar Series) NBCSN (ao vivo)

Domingo, 15 de abril 9-9h30 - aquecimento da Verizon IndyCar Series, streaming em RaceControl.IndyCar.com 13h00 - NBCSN no ar 13h35 - & quotDrivers, liguem seus motores & quot comando 13h42min - Toyota Grande Prêmio de Long Beach (85 voltas / 167,28 milhas), NBCSN (ao vivo)

Josef Newgarden da Equipe Penske continua a defesa de seu campeonato da Verizon IndyCar Series 2017 e lidera o campeonato entrando neste fim de semana no Grande Prêmio da Toyota de Long Beach. Newgarden, que venceu no ISM Raceway em 7 de abril, pretende ser o primeiro campeão da equipe Penske & # 39 desde que Gil de Ferran conquistou os campeonatos CART consecutivos em 2000 e 2001.

Sebastien Bourdais conquistou a corrida de abertura da Verizon IndyCar Series pelo segundo ano consecutivo ao vencer o Firestone Grand Prix de São Petersburgo em 11 de março. Bourdais busca a quarta vitória em Long Beach enquanto busca a quinta Indy campeonato de carros.

Alexander Rossi é o único piloto a terminar no pódio em cada uma das duas primeiras corridas. O piloto da Andretti Autosport - um dos três californianos nativos em campo - terminou em terceiro em St. Petersburg e Long Beach para começar a temporada e está atrás de Josef Newgarden por cinco pontos ao entrar na temporada.

Este fim de semana & # 39s Toyota Grande Prêmio de Long Beach marcará o 35º evento de carros da Indy no histórico circuito de rua. Mario Andretti venceu a primeira corrida de carros da Indy lá em 1984. James Hinchcliffe foi o vencedor da corrida de 2017. Sebastien Bourdais (2005-2007) foi o último vencedor repetido em Long Beach.

Al Unser Jr. venceu mais vezes em Long Beach (seis), enquanto Sebastien Bourdais e Will Power são os únicos pilotos inscritos com várias vitórias. Bourdais venceu três corridas consecutivas de 2005-2007. Power ganhou em 2008 e 2012. Outros ex-vencedores de corrida programados para competir são Ryan Hunter-Reay (2010), Takuma Sato (2013), Scott Dixon (2015), Simon Pagenaud (2016) e James Hinchcliffe (2017).

A equipe Penske venceu sete das últimas nove poles em Long Beach: Helio Castroneves, que estabeleceu o recorde da volta em 2017, venceu quatro poles (2001, 2015, 2016 e 2017), Will Power venceu três poles consecutivas de 2009-2011 e Ryan Briscoe venceu em 2012. Além de Power, outros vencedores da pole anterior entraram na corrida deste ano & # 39s são Tony Kanaan (1999), Sebastien Bourdais (2006-2007) e Ryan Hunter-Reay (2014).

Quatro pilotos venceram a corrida da pole - Mario Andretti (1984, 1985 e 1987), Al Unser Jr. (1989-90), Helio Castroneves (2001) e Sebastien Bourdais (2006-07).

Dezessete dos 24 pilotos inscritos no evento competiram em corridas de carros da Indy em Long Beach. Onze pilotos inscritos lideraram voltas: Sebastien Bourdais 169, Will Power 162, Ryan Hunter-Reay 150, Scott Dixon 103, Takuma Sato 66, Marco Andretti 64, Simon Pagenaud 54, Tony Kanaan 51, James Hinchcliffe 25, Charlie Kimball 3 e Josef Newgarden 1.

Tony Kanaan pretende começar sua 285ª corrida consecutiva neste fim de semana, o que aumentaria sua seqüência de recordes automobilísticos na Indy, que começou em junho de 2001 em Portland. Kanaan tentará fazer sua 346ª largada com o carro da Indy, que ocupa o terceiro lugar na lista de todos os tempos.

Scott Dixon fez 226 partidas consecutivas no fim de semana, que é a segunda sequência mais longa nas corridas de carros da Indy. Andretti Autosport & # 39s Marco Andretti fez 201 partidas consecutivas, que é a quarta seqüência mais longa nas corridas de carros da Indy.

Scott Dixon, o piloto mais antigo da Chip Ganassi Racing, está em quarto lugar na lista de vitórias em carros da Indy, com 41 vitórias. O vencedor da corrida de Petersburgo, Sebastien Bourdais, é o sexto na lista de todos os tempos, com 37 vitórias, e Will Power é o nono na lista de todos os tempos, com 32 vitórias.

Sete candidatos ao Sunoco Rookie of the Year - Zachary Claman De Melo, Jack Harvey, Kyle Kaiser, Jordan King, Matheus & quotMatt & quot Leist, Zach Veach e Robert Wickens - estão inscritos. É o maior número de estreantes inscritos em Long Beach desde a última corrida da Champ Car em 2008.

GRANDE PRÊMIO DE TOYOTA DE CITAÇÕES PRÉ-EVENTO DE LONG BEACH

JOSEF NEWGARDEN (nº 1 da equipe Penske Chevrolet da Verizon, líder de pontos da Verizon IndyCar Series): & quotQue vitória da equipe Penske em Phoenix. Sentimos que, saindo dessa vitória, seremos fortes rumo a Long Beach. A equipe tem trabalhado muito em nosso programa de corrida de rua desde São Petersburgo e estamos prontos para o desafio. Eu sei que é uma corrida que minha equipe e eu realmente queremos vencer e estamos prontos para colocar o Nº 1 da Verizon Chevy no melhor local para tornar isso possível. Os cursos de rua são sempre divertidos, mas Long Beach é realmente especial com a história daquele lugar. Também é incrível que o programa IMSA da Team Penske também esteja correndo neste fim de semana, o que dá aos fãs ainda mais para se animar e todos nós estaremos torcendo por eles. & Quot

MATHEUS & quotMATT & quot LEIST (No. 4 ABC Supply AJ Foyt Racing Chevrolet): & quotI & # 39m realmente animado para a próxima rodada, a segunda corrida de rua do ano. O carro da ABC Supply foi muito rápido em St. Pete. Com sorte, também teremos um ótimo carro em Long Beach. É uma pista e um lugar onde nunca estive antes, então estou muito animado. Trabalharemos muito para minimizar os problemas que tivemos em Phoenix. Acho que temos um carro rápido, só precisamos nos concentrar e fazer um ótimo trabalho nas corridas. & Quot

JAMES HINCHCLIFFE (No. 5 Arrow Electronics SPM Honda, vencedor do Grande Prêmio de Long Beach da Toyota em 2017): & quotEu sempre digo isso, mas estamos ansiosos para Long Beach todos os anos. É um dos maiores eventos do calendário, um dos eventos mais antigos, um dos mais concorridos. é definitivamente o destaque do ano. O ano passado foi obviamente muito especial levando a vitória! Toda a equipe teve um início de temporada muito forte e St. Pete foi bem para nós, então estamos cautelosamente otimistas de que nosso pacote de percurso de rua será forte. Dito isso, Long Beach é uma pista diferente de St. Pete, e com este novo carro, todos estão constantemente melhorando, então certamente não estamos dando nada por garantido. Vamos ter que trabalhar muito para colocar o carro da Arrow Electronics na frente neste fim de semana, mas a equipe está fazendo um trabalho incrível até agora e, felizmente, podemos manter o ritmo. & Quot

ROBERT WICKENS (No. 6 Lucas Oil SPM Honda): & quotA vida agora em INDYCAR é muito boa. Definitivamente, não posso reclamar de como fomos competitivos nas duas primeiras corridas. Long Beach será um novo desafio. Teremos que começar do zero novamente, mas estou muito feliz em saber onde estamos como equipe e como estamos trabalhando juntos. Esperançosamente, podemos manter essa pequena corrida de desempenho e tentar marcar alguns bons pontos no carro da Lucas Oil. & Quot

SCOTT DIXON (No. 9 PNC Bank Chip Ganassi Racing Honda): & quotLong Beach tem uma história incrível. É um evento americano verdadeiramente icônico que começou a ganhar muita popularidade com a Fórmula 1 naquela época. Com o layout da pista, é um dos melhores circuitos de rua ao redor e, mais importante, você realmente pode correr lá. Levei uma eternidade para chegar à pista da vitória lá, mas conseguimos fazer isso há alguns anos, e espero que possamos voltar a essa forma novamente este ano no carro do PNC Bank. & Quot

ED JONES (No. 10 NTT DATA Chip Ganassi Racing Honda): & quotI & # 39m animado para Long Beach neste fim de semana. Eu ganhei lá na Indy Lights e terminei muito bem lá na última temporada na (Verizon) IndyCar (Series), então foi um bom circuito para mim. Estou muito satisfeito com o progresso que estamos fazendo juntos como uma equipe. Tínhamos o carro da NTT DATA na posição certa em Phoenix indo em direção ao final, e espero continuar a aproveitar esse impulso. A equipe fez um trabalho incrível nos boxes e também nas decisões de estratégia. No momento, temos um grande potencial com nosso programa e tentaremos aproveitá-lo ao máximo no domingo. & Quot

FORÇA DE VONTADE (nº 12 da equipe Penske Chevrolet da Verizon): & quotO último fim de semana em Phoenix foi realmente lamentável, mas estamos prontos para partir para Long Beach com um novo começo. Long Beach é um percurso de rua muito divertido que eu realmente gosto. A área também está cheia de grandes fãs de corrida, o que a torna ainda melhor. A equipe nº 12 da Verizon Chevy tem trabalhado duro desde São Petersburgo para trabalhar em nossa configuração para cursos de rua e eu sei que vamos trazer um carro realmente forte. Também é emocionante que o programa IMSA da Equipe Penske esteja competindo conosco neste fim de semana, então estou ansioso para ver como a equipe se sai desse lado também. & Quot

TONY KANAAN (No. 14 ABC Supply AJ Foyt Racing Chevrolet): & quotLong Beach é nosso percurso de rua de maior prestígio e uma das corridas mais legais que vamos durante o ano. É um local técnico com diferentes tipos de pavimento, longas retas e algumas curvas muito apertadas que exigem muito da afinação do carro e também do motorista. Foi onde consegui minha primeira pole position em um carro Indy em 1999 e também onde AJ Foyt Racing obteve sua última vitória. Estaremos trabalhando duro para colocar o 14º ABC Supply Chevy onde ele merece.

GRAHAM RAHAL (No. 15 Total Honda): & quotAcho que devemos ser competitivos em Long Beach. St. Pete não foi o melhor para nós, então, do ponto de vista do percurso de rua, acho que temos algum trabalho a fazer, mas também sei que o Tom (alemão, engenheiro de corrida) e todos estão trabalhando muito para encontrar uma solução para fazer o os carros têm um desempenho mais competitivo do que em St. Pete. Acho que com o kit aerodinâmico universal, os carros da Indy vão ser muito mais rápidos nas retas, e acho que Long Beach vai destacar isso. Estou animado para entrar na pista na Honda Total e mostrar isso. Acho que os fãs vão realmente gostar. Acho que vai ser ótimo para passar nas retas da frente e em outros lugares e também acho que com a degradação dos pneus que vimos em St. Pete, e tendo um pneu semelhante em Long Beach, isso deve tornar a corrida realmente , muito interessante. Com três seguidos, este é um momento importante. Obviamente obtivemos alguns bons pontos em Phoenix, mas obviamente gostaríamos de ter sido melhores, mas Long Beach será importante para continuar esse ímpeto e não perder nenhum terreno. É bom para nós estarmos em quarto lugar em pontos e estarmos tão próximos quanto estamos, porque historicamente esse não tem sido nosso ponto forte. Historicamente, não temos sido bons no início da temporada, então estamos em uma posição melhor do que provavelmente sempre, então estou empolgado com isso e acho que isso vai nos ajudar. Fora da Indy 500, Long Beach é a maior corrida para nós. Quarenta e quatro anos de muita história para as corridas de carros da Indy e muitos apelos pelos Rahals em Long Beach, então, esperançosamente, este ano podemos fazer isso acontecer e obter uma vitória depois de muitos segundos lugares. & Quot

SEBASTIEN BOURDAIS (No. 18 Team SealMaster Honda): & quotLong Beach é historicamente uma pista onde tive muito sucesso e sempre gostei de correr lá. É um grande evento. Será uma questão de encontrar os dois ou três décimos de segundo que estávamos perdendo em São Petersburgo. Obviamente, estamos nela (a corrida do campeonato), então só precisamos continuar cavando e ver aonde podemos levar as coisas, mas parece claro que temos uma boa chance. Éramos obviamente competitivos em St. Pete, mas eu realmente não esperava que fôssemos tão fortes em Phoenix. Portanto, continuaremos trabalhando e veremos até onde podemos ir. & Quot

ZACHARY CLAMAN DE MELO (No. 19 The Paysafe Car Honda): & quotI & # 39 estou ansioso para voltar ao Paysafe Car. Assistir Phoenix do cronômetro realmente me deu vontade de voltar. Eu nunca estive em Long Beach antes, então definitivamente vai ser um desafio, mas eu estive me preparando e passei algum tempo no simulador para chegar a conheça a pista. Estou ansioso pelo fim de semana. & Quot

JORDAN KING (No. 20 Ed Carpenter Racing Fuzzy & # 39s Vodka Chevrolet): & quotEstou realmente ansioso para entrar no carro novamente depois de passar o último fim de semana assistindo Ed (Carpenter) e Spencer (Pigot) dirigir em Phoenix. Eu dirigi apenas Long Beach no simulador, então estou animado para ver o que ele guarda na vida real. Certamente parece um ótimo circuito. Tenho certeza que teremos um fim de semana positivo. & Quot

SPENCER PIGOT (nº 21 do serviço preferencial de freezer Chevrolet): & quotI & # 39m muito animado para voltar a Long Beach. Esta corrida tem muita história e é uma honra fazer parte dela. Tivemos muitos pontos positivos para tirar da primeira corrida de rua em St. Pete e estamos ansiosos para continuar dessa forma neste fim de semana. Teremos muitos convidados do Preferred Freezer Services na pista e estamos prontos para dar a eles um bom show. & Quot

SIMON PAGENAUD (No. 22 DXC Technology Team Penske Chevrolet): & quotEu & # 39 estou realmente ansioso para voltar a Long Beach. É um dos eventos que mais espero na programação por causa da pista e da área. É ainda mais divertido que meus companheiros da Equipe Penske IMSA também estarão compartilhando o fim de semana da corrida conosco. Tivemos muita performance em Phoenix no fim de semana passado, mas infelizmente cometi um erro caro nos boxes no início da corrida. Este fim de semana, vamos deixar isso para trás e esperamos conseguir um ótimo desempenho no 22º Chevrolet com tecnologia DXC. Minha equipe tem trabalhado arduamente à medida que vamos para a segunda corrida dessas três semanas, alongamento consecutivo. & Quot

CHARLIE KIMBALL (No. 23 Tresiba Chevrolet): & quotEu & # 39vento ao Toyota Grand Prix de Long Beach há muito tempo - mesmo antes de dirigir - e devo dizer que nunca envelhece. Há apenas uma energia especial aqui e, claro, é ótimo ter família e amigos participando da corrida. A equipe número 23 fez muitos progressos da corrida 1 para a corrida 2, e ainda mais do verde para o xadrez no último fim de semana em Phoenix. Acho que se continuarmos fazendo essas melhorias, seremos capazes de nos colocar em uma boa posição no campo. A corrida de Long Beach nem sempre me tratou bem no passado, mas sei que todos na Carlin trabalharão para mudar nossa sorte neste fim de semana. & Quot

ZACH VEACH (nº 26 do Group One Thousand One Honda): & quotEu & # 39 estou ansioso por Long Beach porque é uma das minhas faixas favoritas. Foi quando eu consegui minha primeira pole position em um carro Indy Lights e quase ganhei lá - então nós sempre tivemos alguma velocidade natural lá e eu espero que isso me ajude a acelerar o processo de aprendizado em um carro Indy . Depois de chegar ao (Verizon) IndyCar (Series), o tempo de pista é tão limitado que é a beleza de ter um histórico em Road to Indy. Você ganha experiência nessas trilhas e sabe no que está se metendo. Tive a sorte de ter a equipe me colocando no simulador para correr Long Beach, então meio que estive lá em um carro Indy. Eu tenho três companheiros de equipe muito fortes e, como todo fim de semana, estou aprendendo com eles em todas as sessões. Agora temos dois 16º lugar, então espero ficar entre os 10 primeiros em Long Beach. & Quot

ALEXANDER ROSSI (No. 27 NAPA AUTO PARTS Honda): & quotÉ & # 39s o segundo fim de semana de corrida em cinco dias e desta vez é uma das minhas pistas favoritas no calendário. É difícil superar a atmosfera e a energia de Long Beach. Por ser uma corrida do sul da Califórnia, é uma espécie de corrida em casa para mim, então terei muitos amigos e familiares para o fim de semana. Vamos tentar terminar o que começámos no ano passado e, com sorte, podemos colocar a Honda NAPA AUTO PEÇAS no degrau mais alto. & Quot

RYAN HUNTER-REAY (No. 28 DHL Honda): & quotLong Beach é uma das minhas corridas favoritas do ano. É um dos eventos mais importantes da série, com uma grande base de fãs e ótimas corridas. Temos uma vitória lá de 2010, começamos na pole em 2014, mas ainda sentimos como se tivéssemos negócios inacabados depois do ano passado com o carro desligando e correndo na frente. Temos algum trabalho a fazer. Temos duas finalizações entre os cinco primeiros até agora este ano, mas não estamos satisfeitos com isso, o que é uma coisa boa. & Quot

TAKUMA SATO (No. 30 Mi-Jack / Panasonic Honda): & quotAcredito que a competitividade de St. Pete será transferida para Long Beach. As características da pista obviamente não são as mesmas e Long Beach tem menor aderência, mas a maioria das partes são semelhantes. É decepcionante que eu não tenha conseguido um bom resultado em St. Pete, mas esse é o automobilismo e às vezes teremos má sorte e às vezes boa. Long Beach é a favorita de todos. É tão especial. Tem muita história, ótima localização, comida e ambiente. É tão lindo e muito divertido dentro e fora dos trilhos. Tive muita sorte de ganhar duas das principais corridas da série (2017 Indy 500, 2013 Long Beach), mas é claro, quero acrescentar mais. As pessoas realmente gostam do evento e eu também - especialmente vencer a corrida de 2013 que foi tão especial para mim e me deixa muito feliz em pensar nessa corrida. Eu estava na A.J. A equipe de Foyt naquela época, mas dividiu o pódio com meu atual companheiro de equipe Graham, então adoraria repetir isso também este ano. & Quot

MAX CHILTON (No. 59 Gallagher Chevrolet): & quotI & # 39m um grande fã do Toyota Grand Prix de Long Beach. É muito divertido ver uma corrida com tanta história continuar sendo abraçada pelos fãs da costa oeste, e não faz mal saber que somos capazes de dar um show tão bom com as corridas acirradas por lá. Tive resultados de qualificação e corrida muito semelhantes nos últimos dois anos, que me viram subir algumas posições da minha posição de qualificação, então espero que o No. 59 Gallagher Chevrolet possa continuar esse progresso ainda mais neste fim de semana. Tivemos um fim de semana desafiador em Phoenix, mas pegamos muitos dos aspectos positivos daquele fim de semana e os estamos trazendo direto para Long Beach para construir. Estamos muito entusiasmados como equipe em seguir em frente a cada final de semana de corrida para chegar onde queremos estar. & Quot JACK HARVEY (No. 60 AutoNation Sirius / XM MSR com SPM Honda): & quotFoi bom ver a velocidade do equipe teve em St. Pete porque podemos, esperançosamente, traduzir isso para Long Beach. Estou esperando um melhor desempenho de mim mesmo no fim de semana de corrida. Long Beach também é uma pista na qual já fui rápido, coloquei-a na pole em 2015, mas infelizmente não consegui passar da primeira curva. Long Beach é um grande evento e está em uma grande cidade. O evento tem muita história por trás dele, desde quando a Fórmula 1 estava lá no dia. Estou realmente ansioso para voltar lá e voltar aos trilhos. & Quot


Toyota Grande Prêmio de Long Beach

Tão certo quanto as andorinhas voltam a San Juan Capistrano em março, os carros de corrida reaparecem em Long Beach em abril. “É a velocidade, o som, o apelo sensorial”, disse o organizador da corrida Adam Saal, explicando como um evento de três dias com dezenas de carros dando 95 voltas pelas ruas de Long Beach conseguiu atrair 200.000 visitantes.

Chame isso de $ 13 milhões em movimento. Esse é um valor aproximado dos 26 carros que correrão esta semana no Grande Prêmio da Toyota de Long Beach. “O chassi de um carro de corrida Indy custa US $ 300.000, combinado com o que há de mais moderno em motores turboalimentados e trens de força sofisticados, e você está olhando para um carro de corrida de meio milhão de dólares”, disse Saal. “Eles reconstroem os motores após cada corrida”, disse Saal, às vezes usando três motores diferentes por dia.

E depois há o custo do combustível. “Não é gás! É metanol. Vem do lixo e da madeira. É ambientalmente puro ”, disse Saal. Nenhuma poluição? "Bem, há uma certa poluição, mas não é tão ruim quanto o gás. A poluição não é um problema. ”

Como sempre, as estrelas do esporte e do entretenimento estarão presentes na Toyota Pro / Celebrity Race de 10 voltas. A lista de pilotos inclui o cantor Donny Osmond, a atriz Marsha Mason, o comentarista Leeza Gibbons de "Entertainment Tonight", a estrela de "Coach" Craig T. Nelson, James B. Sikking de "Doogie Howser, MD", o rusher principal de todos os tempos do Dallas Cowboy, Tony Dorsett e o ginasta olímpico Bart Conner. Os ex-pilotos profissionais Dan Gurney e Parnelli Jones são inscritos, e o participante simbólico da concessionária Toyota será Lew Webb Sr., proprietário da Toyota de Cerritos e quatro outras concessionárias. Todos estão programados para assumir o volante de liftbacks Toyota Celica GT-S preparados de forma idêntica e competir por diversão e caridade. Eles vão ganhar cerca de US $ 2.000 por minuto, com a receita a ser dividida entre os Hospitais Infantis de Los Angeles e Orange County.

Nos carros da Indy, os regulares serão o tetracampeão Mario Andretti, o tricampeão e campeão Al Unser Jr., Michael Andretti, Emerson Fittipaldi, Bobby Rahal, Danny Sullivan e Rick Mears, todos nomes do Indianápolis 500 e o calendário CART Indy Car World Series de 16 outras corridas.

O que há de novo neste ano? "Patriotismo", disse Saal. “O patriotismo está tão alto este ano que imaginamos - que combinação perfeita! Usaremos o Grande Prêmio como uma chance de homenagear nosso país. ” Procure bandeiras gratuitas nas entradas.

O grande marechal será o suboficial da Marinha James Ford, um condecorado soldado da cidade que foi ferido na guerra. Ele estava de guarda a bordo do cruzador de mísseis guiados Princeton quando atingiu uma mina no Golfo Pérsico. Ford teve uma rótula quebrada e cortes na cabeça que exigiram 38 pontos.

A aceleração da corrida começa às 8:15 da manhã de sexta-feira, com um dia inteiro de treinos e corridas de qualificação para todas as divisões. No sábado haverá mais qualificação, além da Toyota Pro / Celebrity Race às 13h. e o sprint da Exxon Supreme Series às 16h15. para três classes de carros de produção, incluindo Nissan 300 ZX-Turbo, Mazda RX-7, Ford Mustang, Dodge Daytona, Chevy Beretta e Buick Skylark.

Em 14 de abril, a programação está carregada com o Texaco System 3 Challenge para Firestone Indy Lights, uma corrida de 45 voltas para carros “spec”, todos usando motores Buick V-6 vedados e pneus Firestone, das 10h30 às 11h30. o evento principal do Grande Prêmio de 95 voltas, das 13h00 às 15h00 e o Toyota Atlantic Championship, uma corrida de 37 voltas para carros menores de roda aberta movidos por motores Toyota de quatro cilindros.

Outros eventos da comunidade incluem:

Terça-feira: Um torneio de golfe beneficente começando às 10h no U.S. Naval Golf Course em Los Alamitos.

Quarta-feira: Um baile de caridade às 18h30 no Hyatt Regency Hotel, que fica perto de Shoreline Drive, no centro do circuito da pista de corrida no centro de Long Beach.

Quinta-feira: Mini Grand Prix para karts empurrados pelos alunos ao redor do gramado central no campus de artes liberais do Long Beach City College começando às 10h30 e a pré-estréia da garagem Indy das 16h às 20h no Centro de Convenções de Long Beach.

A feira de esportes motorizados Concours d'Promenade estará aberta das 8h às 18h durante o fim de semana da corrida de sexta a domingo no Centro de Convenções e Arena Esportiva.

Os ingressos para o Grande Prêmio nas categorias júnior e adulto variam de US $ 15 a US $ 140, dependendo do dia, assentos reservados na arquibancada, passe de garagem e outras variáveis. Para ingressos, ligue para (800) 752-9524. Para mais informações sobre eventos e corrida, ligue 437-0341.

Percurso: 1,67 milhas, 11 voltas Velocidade: cerca de 175 m.p.h. tops. Bolsa: $ 1,1 milhão no total. O vencedor receberá pelo menos $ 120.000. Al Unser Jr. em 1990 ganhou $ 143.908. Economia: orçamento de US $ 5 milhões para o evento. $ 2,25 milhões gastos por empresas que divertem seus clientes. Impacto estimado de $ 27 milhões na economia local. Em pé: é a segunda de 17 corridas no calendário da CART / PPG Indy Car World Series de 1991. A primeira corrida foi em 17 de março na Austrália. História: As corridas de rua começaram em Long Beach em 1975. O primeiro evento foi uma corrida de Fórmula 5.000.

A competição internacional começou em 1976 com um evento do Campeonato Mundial de Fórmula Um.


Toyota Grande Prêmio de Long Beach: trovões nas ruas

Participantes profissionais / celebridades fazem um treino antes da corrida.

O percurso da corrida é exibido em uma foto aérea do centro de Long Beach.

O logotipo da corrida Toyota Grande Prêmio de Long Beach é exibido em um dos carros.

Em 1975, carros de corrida de alta potência começaram a circular pelas ruas do centro de Long Beach, que na época eram cercados por prédios fechados com tábuas e pragas urbanas.

Foi ideia de Chris Pook & rsquos. Ele era um fã de corridas com uma grande ideia, alguém que amava sua cidade natal, um agente de viagens que queria que essa comunidade de praia ao norte de nós aqui em Orange County fosse um destino para viajantes do mundo todo, não o alvo de todas as piadas.

Uma corrida de rua, ele acreditava, poderia fazer exatamente isso. E embora houvesse momentos naquele ano em que Pook se perguntava se o percurso algum dia seria concluído e se as pessoas apareceriam, 45.000 fãs assistiram Brain Redman vencer a corrida F5000 em Jim Hall & rsquos T-332 Lola.

Pook fez isso. Mais de 60.000 fizeram a viagem à praia no próximo ano e, em 1977, sua corrida se tornaria parte da história do automobilismo americano.

Mario Andretti venceu a corrida, agora apresentando as glamourosas estrelas da Fórmula 1, tornando-se o primeiro piloto americano a entrar na pista da vitória no Grande Prêmio dos Estados Unidos.

Até 1984, as máquinas de corrida mais sofisticadas do mundo chamavam Long Beach de seu lar americano, isso foi o que aconteceu quando a CART, a série agora conhecida como Champ Car World Series, assumiu o controle.

Foi uma aposta, com certeza. A Fórmula Um estava repleta de história e tradição, nomes que fãs de todos os lugares já ouviram falar.

A CART, por outro lado, estava apenas começando, mas as preocupações financeiras levaram Pook a fazer a mudança.

Mas a corrida dele ainda teria aquela mística que estava fazendo deste evento uma das corridas de rua mais importantes do mundo?

Mas um nome familiar acelerou para a frente do campo e de repente não parecia importar quais carros estavam acelerando pela Shoreline O Dr. Andretti estava em primeiro quando a bandeira quadriculada tremulou.

Desde então, Long Beach e a Champ Car World Series cresceram juntas.

Pense em um e o outro virá automaticamente à mente. Graças em parte à CART, seus Champ Cars, enormes patrocinadores corporativos, arranha-céus chiques começaram lentamente a substituir os decadentes teatros adultos que revestiam a Ocean Blvd.

E Michael Andretti, Al Unser Jr., Alex Zanardi, Juan Pablo Montoya lançaram-se ao estrelato depois de conquistar essas ruas da cidade cruéis, que reivindicaram os carros de alguns dos maiores pilotos que já subiram ao volante.

Esta corrida se tornou a única a ganhar no calendário da Champ Car, isto é, Indy 500, por assim dizer, a prova de que grandes coisas podem realmente vir de um começo muito humilde.

This year approximately 100,000 fans will converge on this seaside street course from April 13-15 to see who will be the next driver to take their place in Champ Car history as winner of the 33rd running of this prestigious race.

DRIVERS TO WATCH

Here are a few drivers to keep an eye on once the green flag flies:


Sebastien Bourdais:
The Frenchman is not only one of the greastest Champ Car drivers entered in the race, he just might be among the most talented competitors in the world. He won his third consecutive Champ Car title last year, after winning the season&rsquos first four events, including the Toyota Long Beach Grand Prix. He finished on the podium in 11 of 14 starts. Last year in Long Beach, he started on the pole and led 70 of the race&rsquos 74 laps. Look for him to dominate once again.


Graham Rahal:
As Bourdais&rsquo Newman/Haas/Lanigan Racing teammate, he&rsquos driving for one of the best teams in the paddock. Rahal, the son of three-time CART champion and Indy 500 winner Bobby Rahal, finished second in the Atlantic Series championship last year, becoming the youngest winner in series history when he pulled into victory lane after starting from the pole in Monterrey, Mexico as a 17 year old. He won five races last season, proving that he is one of the best up-and-coming American open-wheel drivers.


Paul Tracy:
He&rsquos the veteran of the group, and definitely one of the most exciting drivers to watch during the race, especially heading onto the first turn after the green flag waves. He&rsquos been in the middle of more than one accident in that sharp 90-degree left-hander at the end of the long Shoreline Dr. straightaway. But he&rsquos also got the talent to match his flamboyant style. He has finished on the podium 72 times during his career, including 30 victories.


Justin Wilson:
He will be Bourdais&rsquo biggest championship challenger. He finished second to Bourdais in the driver standings last year, coming up 89 points short, more proof of just how dominant Bourdais was in 2006. Wilson, the 2001 FIA International F3000 champion, finished second five times last year. He was the runner-up in Long Beach in 2006, finishing 14 seconds behind.

BEST PLACES TO WATCH

So where&rsquos the best place to check out the action? Well, that depends on what you are looking for. If you like seeing crews change tires in less than 16 seconds, then a spot in the Shoreline Drive straightaway is for you.

However, don&rsquot expect to see a lot of side-by-side racing here. This is the fastest part of the track, and the cars will be screaming by you at anywhere from 120-190 mph, and they are usually separated by several seconds.

If you want to see some passing, and remember there isn&rsquot a whole lot of it on street courses, then sit in Turn 1 or Turn 9. Turn 1 is at the end of the long front straight, and this is where all of the action takes place on the first lap. Last year there was a four-car crash there on the first lap that took out some of the top cars entered in the race. A.J. Allmendinger, Tracy and Bruno Junqueira were all involved.

Sometimes Turn 1 is the site of the one and only pass that takes place on the track, and not in the pits. Although it is rare, some passing could take place in Turn 9 because it is the only other hard braking zone on the track.


Guide To The 39th Annual Toyota Grand Prix Of Long Beach

7 a.m. Gates open
7:30 – 9:30 a.m. American Le Mans Series Practice
10:30 – 11:15 a.m. IZOD IndyCar Series Practice
11:30 a.m. – noon Toyota Pro/Celebrity Race Practice
12:15 – 1:15 p.m. Firestone Indy Lights Practice
2:30 – 3:15 p.m. IZOD IndyCar Series Practice
3:30 – 4 p.m. Toyota Pro/Celebrity Qualifying
4 – 5 p.m. IZOD IndyCar Series All-Driver Autograph Session (IndyCar Paddock – FREE to all ticket holders)
4:15 – 4:45 p.m. Pirelli World Challenge Championship Practice
5 – 6:30 p.m. American Le Mans Series Qualifying
6:45 p.m. Tecate Light Fiesta Friday Concert Starring Moderatto and Moenia
7 – 7:45 p.m. Motegi Racing Super Drift Challenge Practice
7:45 – 9 p.m. Motegi Racing Super Drift Challenge Qualifying

Saturday, April 20

(credit: Toyota Grand Prix Of Long Beach)

Saturday Schedule

7:30 – 8:15 a.m. Pirelli World Challenge Practice
8:30 – 9:15 a.m. Firestone Indy Lights Practice
10:40 – 11:25 a.m. IZOD IndyCar Series Practice
11:40 a.m. – 12:40 p.m. Toyota Pro/Celebrity Race (10 laps)
12:55 – 1:40 p.m. Firestone Indy Lights Qualifying
2 – 3:10 p.m. IZOD IndyCar Series Qualifying & Firestone Fast Six
3:55 p.m. American Le Mans Pre-Race Ceremonies
4:30 – 6:30 p.m. Tequila Patron American Le Mans Series Race (120 minutes)
6:45 p.m. Tecate Light Rock-N-Roar Concert Starring Bret Michaels
7 – 9:00 p.m. Motegi Racing Super Drift Challenge

Sunday, April 21

(credit: Toyota Grand Prix Of Long Beach)

Sunday Schedule

7:20 – 7:40 a.m. Stadium SUPER Trucks Practice
8 – 8:25 a.m. Pirelli World Challenge Qualifying
9 – 9:30 a.m. IZOD IndyCar Series Practice
9:55 a.m. Firestone Indy Lights Pre-Race
10:15 – 11:15 a.m. Firestone Indy Lights Race (60 minutes)
11:30 – 11:38 a.m. Mothers Polishes Exotic Car Parade
Noon – 12:20 p.m. Stadium SUPER Trucks Exhibition Race
12:30 p.m. IZOD IndyCar Series Pre-Race Ceremonies
1:38 p.m. “Drivers, Start Your Engines!”
1:45 – 3:30 p.m. Toyota Grand Prix of Long Beach (Round #3 of the 2013 IZOD IndyCar Series)
3:55 – 4:10 p.m. Formula DRIFT Demonstration
4:30 – 5:30 p.m. Pirelli World Challenge Championship Race (60 minutes)

Race Weekend Food and Drink

(credit: Toyota Grand Prix Of Long Beach)

Food Truck Experience


Located behind Grandstand 31, south of the front straightaway near Shoreline Village, the Food Truck Experience brings the best in Southern California gourmet food trucks to the races.

Tecate Cantinas and Sports Bars


Tecate and Tecate Light, Official Beers of the Toyota Grand Prix of Long Beach, have a number of cantinas, lounges and sports bars around the track for fans&rsquo enjoyment. Stop in and enjoy and nice, cold Tecate or Tecate Light during the race day.

McManis Wine Bars


McManis Family Vineyards, the Official Wine of the Grand Prix, has several wine bars located throughout the race circuit. Come in and taste some of their award-winning varietals.

Club Patrón


Located in Vendor Row outside the Long Beach Arena, Club Patrón serves the finest tequila drinks during race weekend.

Racetrack location

300 East Ocean Blvd
Long Beach, CA 90802
Tickets: (888) 82-SPEED
Phone: (562) 981-2600
www.gplb.com

Michelle Mears-Gerst is a writer in South Orange County who can also be found @Sunnynsocal.


PRESS RELEASE

The public is invited to participate in the sixth annual Grand Prix View, to walk, bike, roller skate, or even push a stroller on the same track where the world's best Indy car drivers will race by at over 180 mph the following weekend. This exciting event will take place on Tuesday, April 3, 2018, from 11:30 a.m. to 1:00 p.m.

"As a mobility friendly city, we strive to create activities and events like the Grand Prix View. This is a fun opportunity for bicyclists, pedestrians and families to rule the racecourse safely and enjoy the streets of Long Beach,” said Mayor Robert Garcia.

Unlike the drivers of the Toyota Grand Prix of Long Beach, participants of the Grand Prix View can travel the track at their own pace, checking out all the sights of one of the most famous street courses in the world. The Grand Prix View will cover 1.5 miles of the course, and travel in the same direction as the Toyota Grand Prix, which starts the following week and draws a crowd of more than 180,000 spectators.

“Whenever the Toyota Grand Prix of Long Beach comes to Downtown, this is the most exciting place to be,” said Councilmember Jeannine Pearce. “During the Grand Prix View last year, it was great to see community members come out to exercise and socialize with friends out on the race track, and we hope for the same turnout this year.”

The public can access the track at Hart Place and Seaside Way, just south of Ocean Boulevard. Free event parking is available at the Terrace Theatre Parking Structure. No motorized vehicles are allowed, and no animals are permitted except service animals.

The Grand Prix View is a Beach Streets Open Street event, sponsored by the City of Long Beach and the Grand Prix Association of Long Beach. By repurposing streets for bicyclists, pedestrians, and other non-motorized users, cities are encouraged to consider other ways our streets can be used. For more information, including a map showing parking and entrance points, visit www.beachstreets.com or call 562.570.5333.

About the City of Long Beach

Home to approximately 470,000 people, the multiple award-winning and innovative City of Long Beach offers all the world-class amenities of a large metropolitan city while maintaining a strong sense of individual and diverse neighborhoods nestled together along the California coast. Long Beach is home to the Queen Mary, Aquarium of the Pacific, several museums and theaters, a highly-rated school district, Long Beach Airport, the Port of Long Beach, as well as many award-winning City departments such as Health, Parks, Recreation and Marine, Development Services and more. The City also has a highly-respected university and city college, two historic ranchos, five hospitals, five golf courses, 170 parks, miles of beaches, marinas, bike paths, and a Bike Share program.

For more information about the City of Long Beach, visit http://longbeach.gov/. Follow us on social to keep up with the latest news: Facebook, Twitter, Instagram, and YouTube.

For more news, pictures, videos and announcements of what’s happening in Long Beach, follow us on Facebook, Twitter, Instagram and YouTube.


Grand Prix of Long Beach Race Report

GRAHAM RAHAL, No. 15 Midas / Big O Tires Dallara/Honda/Firestone: "We performed the way we ought to each and every weekend here in Long Beach. We came out here and the Midas / Big O Tires car was right there all the time. Qualifying was a little disappointing but we were in the top-five almost every session and I felt, going into the race that's exactly what we could do here. To be honest it just feels phenomenal to get this result. God, I was so close to winning yet again. On the last restart, I think that if (Charlie) Kimball wasn't in the way we would have had a great run at it. Man it feels so good to be on the podium here. There is so much history in Long Beach. The only problem is that I think this is the fifth time a Rahal has finished second here so we're going to have to break the curse eventually. I can't thank these guys enough they have done a great job."

FAST FACTS: With his second place finish and 12th Indy car podium, he jumped to seventh in series points with 66… Was his seventh Champ/Indy car race here, eighth overall, and first for his father's team. His previous best start/finish here came in 2007 when he started fifth but the pit strategy of others and slow fuel flow related to teething problems for the all-new Panoz Champ Car on two stops limited his finish to eighth place. In the 2006 Champ Car Atlantic Series race here he started seventh and finished fifth. He was in podium contention several times but various challenges took him out of that possibility… This is Rahal's first full season at RLL, sixth in the IZOD IndyCar Series and seventh in a top open wheel racing series (CCWS 2007). The Ohio native recorded 92 starts between the Champ Car World Series and IZOD IndyCar Series (2007-2012) capturing one win, two poles, 19 top-five and 44-top 10 finishes. He led a total of 28 laps in 2012 - 27 at Texas Motor Speedway where he nearly claimed his second series victory but brushed the wall and finished second -- had an average start of 12.4 and average finish of 11.2, earned three podium finishes and completed 87.2 percent of the laps run (1,841 of 2,111).

RAHAL LETTERMAN LANIGAN RACING AT LONG BEACH… 2013 marks the 22nd consecutive season of competition for the team and 14th Indy car race in Long Beach… In total, the team won three poles (Bryan Herta 1998, Jimmy Vasser 2002, Michel Jourdain, Jr. 2003) made five front row starts including an all-Team Rahal front row in 1998 (2 nd - Rahal 1998, Kenny Brack 2001) earned their best finish of second place FOUR times (Rahal 1992-1993, Vasser 2002, G. Rahal 2013) and earned six podiums(2nd - Rahal 1992-1993, Vasser 2002, G. Rahal 2013 3rd - Herta 1998-1999).


Fans can get free Friday vouchers at FIRESTONE TIRE STORES, PEP BOYS (courtesy of MOTHERS POLISHES ) and KING TACO restaurants.

o LOS ANGELES NEWSPAPER GROUP (LANG) will offer free Friday coupons each Sunday and race week in the Long Beach Press-Telegram and LANG s eight other Southern California newspapers.

Free Friday vouchers courtesy of RADIO CONTROL MOTORSPORTS EXPERIENCE are available at participating Hobby Stores and online at www.radiocontrolme.com .

SALONPAS is offering a free Friday ticket and grandstand seat giveaway in a radio promotion, while SMG will distribute free Friday coupons at the Aquarium of the Pacific and other Long Beach Convention and Entertainment Center events.

Emphasis is on Green Race Week in Long Beach

While Green, Green, Green is the call made from Race Control as the green flag waves to start the race, the call for Green, Green, Green race week in Long Beach takes on an ever-higher profile for the American Le Mans Series.

Recognized as the Global Leader in Green Racing, the American Le Mans Series is involved in daily events race week to drive home its position.

Tuesday, April 14: The American Le Mans Series joins Mazda s Dyson Racing at BP s Helios House at the intersection of Robertson & Olympic Boulevard in Los Angeles from 5:00 -7:00 p.m. to reinforce its commitment to green. BP s Helios House is the first gas station in the U.S. to be submitted for LEED certification. Its unique construction from recycled and sustainable materials exceeds current environmental standards for on-site water collection and it uses 16 percent less electricity than traditional stations.

Wednesday, April 15: On the campus of California State University at Long Beach, the American Le Mans Series will conduct a program from 10:30 a.m. until 12:00 noon for SAE (Society of Automotive Engineers) associates and engineering students. The program will not only address the Series position as a leader in technology and innovation within the racing, automotive and transportation sector, but its focus on the electrification of the automobile industry is designed to convey exciting new career opportunities for upcoming engineers within the automobile industry.

Thursday, April 16: The SAE group from Wednesday s session will be hosted at the race track by the American Le Mans Series. The group will hear Tech Talks from three different race teams (Corvette Racing/Corvette, Patron Highcroft Racing/Acura and Flying Lizard Motorsports/Porsche), Michelin and IMSA s Technical Director (Charlie Cook) about the role race technology is playing in the development of future consumer cars, particularly as it pertains to fuel efficiencies. The at-track program begins at 10:00 a.m. and continues until 2:00 p.m.

Thursday, April 16: From 9:00 a.m. until 2:30 p.m., the Motorsports Industry Association and SEMA (Specialty Equipment Market Association) jointly host a conference at the Long Beach Convention Center called The Race Goes Green. American Le Mans Series President and CEO Scott Atherton headlines a panel at 10:25 a.m. that includes other racing dignitaries and specialists.

BP s Helios House is the first gas station in the U.S. to be submitted for LEED certification. Its unique construction from recycled and sustainable materials exceeds current environmental standards for on-site water collection and uses 16 percent less electricity than traditional stations.

The American Le Mans Series Mazda Dyson Racing team including drivers Chris Dyson, Marino Franchitti, Guy Smith, Butch Leitzinger and Ben Devlin, will be on hand to emphasize the Series position as the Global Leader in Green Racing.

Mikimoto pearls are considered among the finest in the world. The Mikimoto Gallery will feature American Le Mans Series drivers Scott Sharp of Patron Highcroft Racing and winner of the recent Acura Sports Car Challenge of St. Petersburg and driver Jamie Melo, Ferrari driver for Risi Competizione, GT2 winner of this year s Mobil One 12 Hours of Sebring. Mikimoto is an ALMS corporate partner.

The exclusive reception includes members of the prestigious Petersen Museum, celebrities and select fans of the American Le Mans Series, noted by Nielsen Market Research as having the highest fan demographic in all of regularly televised sports.

End of an Era: Corvette Racing has been the most successful program in the American Le Mans Series over the last 10 years. It has won the last eight GT1 championships and owns a record 75 class wins including 54, 1-2 finishes. Since 2007, it has swept 24 consecutive races with 1-2 finishes. Its drivers have a combined 14 driver championships, 17 Le Mans victories and 24 class triumphs at Sebring. Long Beach, however, is Corvette s last run in GT1. The program returns to Mid-Ohio after the 24 Hours of Le Mans (June 13-14) with a GT2 program to race the likes of Porsche, Ferrari, BMW, Panoz, Ford GT and the Dodge Viper. Driver Johnny O Connell ranks first in all-time starts (96) and career wins (37).

Brabham Returns to Scene of Historical Win: A year ago, David Brabham and teammate Scott Sharp defeated the Porsche RS Spyders of Penske Racing here at Long Beach. It was Patro  n Highcroft s first win and for Brabham it was even more than that. With the Long Beach win in the LMP2 class Acura, Brabham became the first and only driver in American Le Mans Series history to win in all four classes. He had previously won with a Panoz in LMP1, an Aston Martin in GT1 and a Panoz in GT2.

Acura Moves Up in Class: Acura enters its third season by moving two of its three teams from LMP2 to LMP1. While de Ferran Motorsports and Patr n Highcroft Racing are expected to challenge for the P1 Series championship, the question remains whether Lowe s Fernandez Racing in LMP2 can make it an all-prototype sweep for Acura at Sebring in 09.

Acura So Far: Adrian Fernandez and Luis Diaz, Acura s P2 representative, has not disappointed this year. It has won its first two outings at Sebring and St. Petersburg and hopes to become the first Acura team to win three in a row in the Series. A week ago, Patron Highcroft climbed to the top of the podium in P1 at St. Petersburg, making Acura the first auto manufacturer in the history of the Series to sweep the top two classes. De Ferran Motorsports, meanwhile, has captured the pole in the first two races of the season (Scott Dixon at Sebring Simon Pagenaud at St. Petersburg).

Acura a Year Ago: Last year, Patr n Highcroft won four times, including once overall, as it challenged Porsche and Penske Racing all season in P2 before an early crash at Petit Le Mans took them out of the championship points race. De Ferran s strongest finish a year ago was in the season finale at Mazda Raceway Laguna Seca where it finished second.

Two Cache t s Combine: Mazda, working side-by-side with new partner Dyson Racing -- one of the most revered independent teams in sports car history -- brings two MZR-R closed-top prototypes to the grid to take on Acura s Lowe s Fernandez team. Veterans Chris Dyson and Guy Smith pilot one car, while Marino Franchitti (Dario s brother) and Butch Leitzinger drive the other. Ben Devlin provides supplemental support.

Yes, Honey: The American Le Mans Series boasts one husband-wife race team. Robertson Racing is piloted by Dave and Andrea Robertson with assistance from veteran David Murry. Don t ask David who is the faster of the betrothed. He wants to keep his job. Robertson Racing competes with a Ford GT in GT2 and has finished seventh (Sebring) and sixth (St. Petersburg) in class thus far.

GT2 The battles are expected to be ferocious all season long and 2009 has not disappointed. At Sebring, the Ferrari of Risi Competizione (2007 class champions) returned to its old form. At St. Petersburg, Risi driver Jamie Melo put the Ferrari on the pole, but the street circuit took its toll on many of the top runners as one-by-one Risi dropped out, one BMW Rahal Letterman retired early and the Farnbacher Loles Porsche 911 GT3 RSR succumbed as well. In the end, it was last year s champion Flying Lizard Motorsports with veteran drivers Patrick Long and Joerg Bergmeister (2005 GT2 champions) who prevailed. While the Flying Lizard No. 45 car of Long and Bergmeister lead the points race, Panoz Team PTG has been the sleeper thus far with two podium finishes that have them only four points back.

Long/Bergmeister (Flying Lizards) This duo is one of the most accomplished in sports car racing. The last time these two Porsche factory drivers teamed together for a full season (2005), they won the GT2 championship (for Petersen White Lightning). Bergmeister has won two additional championships ( 06 with Long his teammate for nine of 10 events -- and 08). Both have won the three most coveted endurance classics Sebring, Le Mans and Petit Le Mans. In addition, they opened the sports car season with a win at the 24 Hours of Daytona. Driving for defending champion Flying Lizard Motorsports, these are the guys everyone else is gunning for.

BMW Rahal-Letterman BMW Rahal Letterman Racing is back and this time with the iconic BMW marque. Veterans Bill Auberlen and Joey Hand bring the scary-fast No. 90 M3 to the Sebring grid. Tom Milner and former American Le Mans Series champion (2000) Dirk Mueller pilot the No. 92. While BMW got off to an inauspicious start at Sebring Auberlen/Hand finished last after retiring early Milner and Mueller finished 22 nd the No. 90 car of Milner and Mueller rebound on the streets of St. Petersburg with a second place finish.

Based in California: The American Le Mans Series, in which more automobile manufacturers participate than any other major race series in the world, actually has three of its auto marques with headquarters in the area. Acura/Honda Performance Development is located in Santa Clarita. Mazda is located in Irvine. Porsche s N.A. Motorsports operation is in Santa Ana. In addition, Falken Tire one of four tire companies in the Series is based out of Fontana. Team Falken Tire enters the Series for the first time in a Porsche 911 GT3 RSR with drivers Bryan Sellers and Dominic Cicero

Pat Long, Flying Lizard Motorsports born and raised in Thousand Oaks

Bill Auberlen, BMW Rahal Letterman lives in Redondo Beach

Joey Hand, BMW Rahal Letterman live in Sacramento

Mike Lewis, Autocon Motorsports lives in San Diego

Seth Neiman, Flying Lizard Motorsports lives in San Francisco (also owns the team


Assista o vídeo: Honda Civic Rebirth VS Toyota Corolla Grande Race


Comentários:

  1. Dwade

    Não chega perto de mim. As variantes ainda podem existir?

  2. Burgeis

    Considero, que você está enganado. Vamos discutir isso.

  3. Tauzilkree

    Eu recomendo que você visite um site no qual existem muitos artigos sobre essa questão.

  4. Lethe

    Eu posso recomendar que você visite o site com um grande número de artigos sobre o tema de seu interesse.

  5. Sepp

    Eu vou pagar vai discordar



Escreve uma mensagem